Saúde Quântica. O Universo dá Sinais!

Saúde Quântica. O Universo dá Sinais!

Fique Atento porque o Universo Dá Sinais

Sempre que alguma boa ou ruim está para acontecer, o Universo dá sinais que alteram o cotidiano. Esses sinais podem chegar através de uma alteração no organismo, de um artigo lido, de um telefonema inesperado ou de uma simples conversa com alguém. É preciso se educar para conseguir observar o que está a sua volta. Algumas pessoas costumam dizer que o mundo é uma selva de pedra, por isso se habituam a viver somente tomando atitudes baseadas na razão. Você já deve ter se deparado com alguma situação em que diz: “parece muito bom pra ser verdade”. Não se trata de sorte, pois você já estava procurando por isso sem perceber, de forma sutil. O mesmo ocorre quando a notícia não é boa.

O Universo dá Sinais e a Resposta está na sua Frente

O universo dá sinais mas o homem está tão preocupado com seus compromissos diários que esquece de dar vazão a esse olhar que permite uma visão mais crítica sobre os acontecimentos que estão por vir. Muitas vezes você deixa de resolver situações que podem se transformar em um problema de larga escala. Se você adquirir o hábito de reservar algumas horas para si, irá começar a enxergar e interpretar esses sinais que o levará exatamente onde você quer ir.

A prioridade no momento é você, portanto, quando o universo dá sinais, procure dar as boas vindas a essa sensação que clama por sua atenção. Nesse momento, não procure por muitas explicações e nem desculpas que possam justificar a sua falta de tempo. Saiba que esses sinais estão a seu favor. No começo, quando o universo dá sinais, pode parecer meio estranho, sem sentido, mas na medida em que vão acontecendo com mais frequência, não dá para ignorar. Esses sinais farão com que você  tome decisões com base nesses sentimentos e não somente pela razão. Muitas vezes perdemos grandes oportunidades por agir somente baseados na lógica de tudo.

Quando o Universo dá Sinais dê uma Pausa Para o Ego

saude-quantica-o-universo-da-sinaisDiante de um conflito temos a sensação de que tudo e todos estão contra nós. Sei que é difícil despir-se da vaidade, mas tente colocar o EGO de lado para mergulhar dentro de si e assumir o seu eu interior. Antes de ser verdadeiro com os outros, seja com você mesmo, ninguém vai agradar todo mundo o tempo todo. Se permita reconhecer os sinais que o Universo te oferece e fique atento aos acontecimentos mais simples do dia-a-dia.

Procure manter a mente aberta e esteja disposto a aceitar o caminho. Quando o universo dá sinais, fique atento para onde eles estão apontando. Procure se aprofundar no conhecimento, pois nem sempre aquilo que você acredita é o melhor para você. Quando for lhe dada essa visão, haja rapidamente porque quando o universo dá sinais ele mostra o caminho a ser percorrido, mas é você que tem que dar o primeiro passo.

Faça acontecer! 

“De vez em quando você tem que fazer uma pausa e visitar a si mesmo.” (Antoine De Saint Expery)

Gastrite – Dicas de Alimentação para Curar

Você Sabe o que é Gastrite?

A gastrite pode ser causada por uma irritação devido ao uso excessivo de álcool,  tensão ou o uso de certos medicamentos , tais como aspirina ou outros medicamentos anti-inflamatórios. Há outros fatores que também podem dar origem a Gastrite, são eles:

  • Helicobacter pylori (H. pylori) : é uma bactéria que vive no revestimento da mucosa do estômago. Sem um tratamento, essa infecção pode conduzir a úlceras e, em algumas pessoas, cancro do estômago;
  • A anemia perniciosa: esta é uma forma de anemia que se manifesta quando o estômago está carente de uma substância naturalmente necessária para absorver e digerir adequadamente a vitamina B12;
  • Refluxo da Biliar: ocorre quando o bile um líquido digestivo produzido em seu fígado, o backup (refluxo) em seu estômago e o esôfago (o tubo que liga a boca e o estômago).Se a bile é importante em refluxo é controversa. Bile é frequentemente implicada como uma causa de refluxo, quando as pessoas respondem de forma incompleta ou não aos medicamentos supressores de ácido. Mas há pouca evidência para identificar os efeitos do refluxo biliar nas pessoas. Estudos em animais de laboratório indicam que, ao longo do tempo, refluxo biliar pode ter consequências graves, potencialmente aumentando seu risco de câncer de esôfago.Ao contrário de refluxo ácido, refluxo biliar geralmente não pode ser completamente controlado por mudanças na dieta ou estilo de vida. Em vez disso, refluxo biliar geralmente égerenciado com medicamentos ou, em casos graves, com cirurgia.

    Refluxo biliar pode ser difícil de distinguir de refluxo ácido. Os sinais e sintomas são semelhantes, e as duas condições podem ocorrer ao mesmo tempo. Não está claro as condições para ocorrer o refluxo.

    Sinais e sintomas de refluxo biliar incluem:

    – Dor abdominal superior que pode ser grave
    – Azia freqüente, uma sensação de queimação no peito que às vezes se espalha para a garganta, junto com um gosto amargo na boca
    – Náusea
    – Vomitar um líquido amarelo-esverdeado (bile)
    – Ocasionalmente, uma tosse ou rouquidão
    – Perda de peso não intencionalUm refluxo da bílis no estômago a partir do tracto biliar (que se liga ao fígado e vesícula biliar )
    As infecções causadas por bactérias e vírus

Se gastrite for deixada sem tratamento, pode conduzir a uma perda grave de sangue e pode aumentar o risco de desenvolvimento de cancro do estômago .

Existe uma série de medidas eficazes e receitas com nutrientes naturais e caseiros para curar a Gastrite. Por exemplo, a água de coco está entre os principais tratamentos naturais para essa enfermidade. Se você beber água de coco duas vezes por dia, certamente, irá experimentar surpreendentes. Outra opção seria tomar 2 colheres de chá de folha de pêssego em uma caneca e adicionar água quente. 

Causas de Gastrite

1. As toxinas se acumulam nos tecidos e circulação superlotação.

2. A má nutrição.

3. Má digestão.

4. desequilíbrio do sistema nervoso.

5. A acumulação de estresse físico e mental.

6. Redução do confronto natural e imunidade

Os sintomas da gastrite

1. Dor abdominal.

2. Náusea.

3. sensação de ardor no estômago.

4. vómitos.

5. diarréia.

6. sensação de plenitude.

7. Febre

Gastrite Dieta

1. Tamanho da Refeição: a ideia é dar tempo ao estômago para quebrar alguns dos alimentos antes de introduzir alimentos novos para o seu estômago. Por exemplo, se você come normalmente um bife de 8 onças, uma grande batata carregado junto com coberturas, e uma pequena salada em uma sessão, em vez disso você pode comer uma porção de 4 onças de carne junto com a batata. Em seguida, três ou quatro horas mais tarde, você poderia comer a salada cobertas, juntamente com os outros 4 onças de carne.

2. O jejum: – O paciente tem de proceder a uma rápida para dois de três dias ou mais, dependendo da gravidade da condição. Ele deve ser dada apenas água quente para beber durante este período. Isso certamente vai dar descanso ao estômago e permitir que a condição tóxica que causa a inflamação diminuir.

3. As bebidas: – Algumas bebidas potencialmente problemáticas incluem o chá preto, café, refrigerante, suco de laranja e álcool. Estas bebidas têm realmente alto nível de cafeína e / ou conteúdos elevados de ácido que pode irritar o estômago. Evite bebidas de chocolate, como chocolate quente e leite com chocolate, assim como para aproveitar ao máximo a reduzir os sintomas de gastrite. Em alternativa, procure bebidas que são naturalmente reduzidos em cafeína, álcool e ácido.

4. Evite: – O paciente deve evitar o uso de álcool, tabaco, especiarias e condimentos, carne, pimenta vermelha, alimentos ácidos, picles, chá e café forte. Ele também deve evitar doces, doces, bolos ricos, e águas gaseificadas.

Remédios Naturais para Gastrite

1. Suco de batata contém os nutrientes necessários para aliviar a dor associada à gastrite. Basta dar uma meia xícara de suco de batata três vezes em um dia, mais preferivelmente trinta minutos antes das refeições. Isso deve manter o seu gastrite na baía cada vez que você comer.

2. Aplicação de Hot Compress – A aplicação de calor juntamente com uma compressa quente ou garrafa de água quente, duas vezes por dia, ou com o estômago vazio ou duas horas após as refeições, certamente dará alívio para o paciente e também ajudar a curar a doença rápido .

3. Use uma colher de chá de folhas chamomiledried por caneca de água a ferver e beber este chá diariamente. Camomila contém apigenina que inibe

4. Tome uma dose diária de longo prazo de Omega 3 óleo de peixe 1000 mg para reduzir e posteriormente eliminar a inflamação.

5. Uma dose diária de um multi vitaminas e minerais comprimido para auxiliar na saúde digestivo.

Como saber se Você está com Depressão

Como saber se Você está com Depressão

como-saber-se-voce-esta-com-depressao

Conheça os sintomas da Depressão

As Várias Faces da Depressão

A depressão é uma velha conhecida de todos nós. A nossa saúde física e mental está diretamente ligada sobre a maneira como nós pensamos e sentimos a respeito de nós mesmos. Não é tarefa simples descrever o que possa ser uma saúde mental sensata para todos os indivíduos. Isso depende de como eles interpretam a vida para se sentirem mentalmente saudáveis. Por outro lado, existem alguns sinais que indicam quando uma pessoa incorpora um problema de saúde mental. Esses sinais ser observados quando as funções mentais da pessoa parecem não estar realizando as suas tarefas. Neste caso, existe uma alternância entre o seu pensamento e o seu comportamento.

Vamos tomar a depressão como exemplo. Embora não exista padrão definido, cada pessoa será afetada pela depressão de forma diferente. Existem algumas pistas simples que nos remetem a esse diagnóstico.

A depressão é muito mais do que se sentir cansado, desanimado ou triste por um fato isolado. Todos nós passamos por pontos altos e baixos na vida. Considera-se clinicamente deprimido, a pessoa que não pode ou não consegue recuperar o estado de humor considerado razoável no conjunto de sua vida. Esse é o momento em que a depressão persiste e começa a interferir na sua rotina diária tradicional. Verifica-se uma tendência de não mais apreciar as atividades e passatempos que antes eram agradáveis.

Sintomas Comuns na Depressão

  • Para a pessoa que está com depressão, torna-se difícil até mesmo acordar de manhã e ir para o trabalho ou para a faculdade. Em geral, o sono também é afetado durante a noite e isto faz com que essa pessoa se pareça com um zumbi e troque a noite pelo dia;
  • Outra área que é afetada durante o processo de depressão é a do relacionamento (família, amigos e colegas de trabalho) que vão influenciar diretamente a autoestima de quem está com depressão. Existe uma tendência do deprimido passar para um estágio de inferioridade, não se sentindo bem com ele mesmo o suficiente para interagir com essas pessoas;
  • A depressão e ansiedade andam juntas, além do pânico que agem sem uma causa específica ou razão de ser;
  • Outro fator que se observa é na alimentação onde o deprimido esbarra com uma flutuação no seu peso. O padrão alimentar desse indivíduo será alterado levando-o a comer demais ou a perder completamente o apetite;
  • Existe a tendência tanto de chorar muito, como de se sentir dormente e incapaz a ponto de não conseguir expressar as suas próprias emoções;
  • Em alguns casos observa-se um elevado grau de hostilidade e agressividade sem nenhuma razão aparente;
  • Para o deprimido a vida pode parecer muito difícil e aquelas tarefas que, até então eram corriqueiras, tornam-se um fardo muito pesado para carregar;
  • O sentimento de culpa é comum, neste caso o próprio deprimido se culpa e se acha merecedor de uma punição;
  • São observados distúrbios de memória onde a pessoa encontra muita dificuldade para organizar os pensamentos e fazer associações;
  • Outros sintomas físicos, como dores de cabeça, musculares sem uma causa aparente ou uma rinite não-alérgica  também podem indicar que há algo de errado.

Fique Atento aos Sintomas

Os sintomas acima mencionados podem se manifestar de diferentes formas em cada pessoa. Se esses sintomas de depressão persistirem por mais de duas semanas. Se forem graves o suficiente para interferir no curso natural da vida e na rotina diária, pode ser indício de uma depressão maior. Nesse caso é suscetível de ser diagnosticado. Deve-se redobrar a atenção e procurar um diagnóstico médico para não desencadear outras doenças .

Quem são as pessoas que ficam deprimidas?

Ainda não existe uma comprovação científica do porque alguns indivíduos tornam-se deprimidos e outros não. Também não há uma única causa conhecida de depressão. Alguns episódios depressivos vão ser desencadeados por fatores bioquímicos, genéticos, psicológicos, ambientais e sociais, ou uma combinação destes. O que se sabe é que existem apenas alguns grupos de risco propensos a desenvolver depressão. Dentre esses grupos estão inclusos os deficientes, aqueles que vivem em más condições de vida, aqueles que já possuem um histórico familiar de depressão, os sem-teto, as minorias étnicas e as pessoas na prisão. Normalmente, as circunstâncias da vida podem desencadear um episódio de depressão como a aposentadoria, o divórcio, o luto, a separação, problemas no trabalho ou dificuldade financeira.

Vale ressaltar que ninguém está imune à depressão. Qualquer pessoa pode desenvolver um transtorno depressivo. Os grupos de risco têm maior probabilidade de contrair a depressão justamente pelas circunstâncias e pelo próprio meio em que se encontram. O fato é que a depressão pode atingir qualquer pessoa em qualquer momento de sua vida.

Recuperando-se da Depressão

De todas as barreiras encontradas para ajudar na recuperação da depressão ou qualquer problema mental, uma das maiores é a relutância em procurar ajuda. As pessoas têm muita dificuldade em admitir que não conseguem lidar com esse problemao. As principais razões para essas pessoas não procurarem ajuda são: vergonha do que os outros vão pensar, achar que pode resolver sozinho e falta de conhecimento. Tudo isso faz com elas fiquem travadas e não tomem uma atitude. Fique atento porque, dependendo do caso, os sintomas podem não desaparecer e ainda se prolongarem por muitos anos por falta de tratamento.

Um problema de saúde mental é uma experiência intensa e isolada porque o deprimido não consegue expressar como está se sentindo. A compreensão e o apoio da família e amigos é muito importante e irá ajudar na recuperação dessa pessoa. Lembrando  que a depressão é tratável e é também bastante comum.

O médico é a melhor pessoa para aconselhá-lo sobre qual é o melhor tratamento. Ele é o profissional capacitado para fazer uma avaliação completa a fim de se obter um diagnóstico preciso. Ele também deverá levar em consideração quaisquer formas alternativas de tratamento que possam contribuir. Em muitos casos, o tratamento pode se basear em algum tipo de medicamento, uma terapia ou talvez a combinação de ambos.